O Ativista da nova era é uma comunidade de homens e mulheres de todas as raças e credos que em primeiro lugar querem melhorar suas vidas.

Badge

Carregando...

Membros

"A CIÊNCIA PARA FICAR RICO"

Para aceder ao livro "A Ciência para Ficar Rico" clique na imagem.

Dê uma oportunidade a si mesmo. Leia o Livro e dê um novo Rumo à sua Vida.

Publicidade!

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Música

Carregando...

Quando uma porta se fecha, só a iremos sentir a fechar-se se estivermos à frente dela. Se estivermos ali, especados, obstinados. Uma porta só se fecha com ruído e perda para quem só vê essa saída e mais nada.

Para quem vê as coisas com o distanciamento que o crescimento promove, para quem sabe que tudo o que acontece de mal é para nos fazer mudar de rumo… essas pessoas não sentem que a porta se fechou. Sentem apenas que não é por aí. Ou há outra porta, algures, e é só procurá-la… ou não está no tempo dessa porta se abrir, e é só aprender a esperar. 

Às vezes as pessoas ficam tão obstinadas em tornar a abrir uma porta que se
fechou, que não vêm que mesmo ao lado há um portão incomparavelmente
maior a abrir-se. Olham para o que se fecha, e são incapazes de desviar o
olhar para o que se abre. 

Distância. O segredo é ganhar distância. Distância para ver o panorama das
oportunidades e das impossibilidades. Distância para ver os dois lados das
coisas. Distância da terra para estar mais perto da alma.

Mafalda Carvalho

Exibições: 43

Comentar

Você precisa ser um membro de Ativista da Nova Era para adicionar comentários!

Entrar em Ativista da Nova Era

Comentário de Mafalda Cristina Silva Carvalho em 29 janeiro 2012 às 11:45

Obrigada amiga pelo feedback, beijinhos.

Comentário de Maria Elisabete Raposo Milheiro em 28 janeiro 2012 às 21:57

Pois é amiga, mas o importante é não nos culparmos e procurar aprender com a experiência, pois a culpa faz com que não consigamos ver a lição da experiência. A culpa tolda os nossos sentidos, e perpetua a atitude - quanto mais nos culpamos mais o vamos fazer. Pelo contrário, quando conseguimos aprender a lição não precisamos mais passar por ela. Beijinhos querida!

Comentário de Mafalda Cristina Silva Carvalho em 27 janeiro 2012 às 21:04

Quantas vezes nos deparamos com situações que não nos levam a lado nenhum e nós continuamos a insistir nelas e ficamos completamente de rastos energicamente, pois a porta naquele momento não era aquela, até podia ser a janela ao lado. Por estar a viver um pouco esta realidade em todas as áreas da minha vida é que surgiu a ideia deste artigo. Beijocas

Comentário de Maria Elisabete Raposo Milheiro em 27 janeiro 2012 às 15:16

 

Olá querida Mafalda, parabéns pelo teu artigo! È verdade, queremos tudo á nossa maneira, e quando as coisas não surgem assim, parecemos crianças teimosas, a marrar com a porta a ver se ela se abre! A vida dá-nos sempre tudo o que precisamos! Precisamos confiar mais, acreditar mais, sorrir mais, amar mais, sentir mais, e libertarmo-nos daquilo que já não presta – as ideias pré-concebidas de que as coisas são certas ou erradas, negativas ou positivas, boas ou más. A distância é definitivamente crucial, para conseguirmos localizar outras saídas, ou melhor dizendo, outras Oportunidades! Obrigado querida, Bjs.

© 2019   Criado por Antonio Teixeira Fernandes.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço