O Ativista da nova era é uma comunidade de homens e mulheres de todas as raças e credos que em primeiro lugar querem melhorar suas vidas.

Badge

Carregando...

Membros

"A Ciência para Ficar Rico"

Publicidade!

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Música

Carregando...

Aipo (Apium graveolens L.) - Um grande depurativo e tonificante

O aipo é ingrediente essencial em todos os caldos e receitas depurativas, juntamente com a cebola, a urtiga, a couve e o limão. O óleo extraído das sementes e da raiz tem fama de ser afrodisíaco.

Propriedades e Indicações:

Toda a planta contém um óleo essencial que actua sobre os rins, glicoquininas, um glicósico (apiina) cumarina e oleorresina, além de substâncias nitrogenadas e vitaminas B e C. Eis as suas propriedades: *Diurético e depurativo: Favorece a eliminação de urina e, com ela, de resíduos tóxicos do metabolismo, como a ureia e o ácido úrico. Diz Font Quer que "faz urinar o mais renitente". É recomendado aos que sofram de algum grau de eficiência renal, gota ou artritismo, assim como no caso de litíase urinária (pedras no rim) (1,2,3,4). Além disso, é ligeiramente febrífugo.

*Aperitivo e tonificante: Comunica uma sensação de bem-estar e vitalidade. O sumo de aipo é muito útil como tonificante geral e remineralizante, associado a sumo de tomate, cenoura e limão (5). Recomendável para os que sofram de esgotamento ou depressão nervosa.

Precauções: As grávidas devem evitar o aipo, já que pode provocar contracções uterinas.

Preparação e Emprego

Uso interno 1-Saladas: As folhas e os caules comem-se crus juntamente com outras verduras e hortaliças, também cruas.

2-Caldo: O aipo e a cebola juntos são componentes fundamentais de todo o tipo de caldos depurativos, os quais se preparam fervendo-os com diversas verduras e hortaliças.

3-Infusão com 5-10 g de frutos por chávena de água. Toma-se uma chávena depois de cada refeição.

4-Decocção com 40 g de raiz por litro de água. Ingerem-se 2 a 3 chávenas por dia.

5-Sumo fresco das folhas e dos caules, obtido em liquidificadora. Os seus efeitos diuréticos e depurativos ficam reforçados misturando-o com sumo de limão.

Outros nomes: aipo-bravo, aipo-silvestre, aipo-hortense, aipo-dos-charcos, aipo-doce, salsa-do-monte. Brasil: aipo-do-rio-grande. Esp.: apio, panul, palustre, apio comum, apio de huerta, apio acuático, apio bravío. Fr.: céleri. Ing.: celery.

Habitat: O silvestre é próprio dos terrenos salitrosos das costas da Europa. Cultivado em todo o mundo.

Descrição: Planta bienal da família das Umbelíferas, que atinge de 30 a 90 cm de altura. É facilmente reconhecido pelo seu caule erecto e canelado, pelas folhas de cor verde-escura e pelo seu peculiar aroma.

Partes utilizadas: as folhas, a raiz e os frutos.

Fonte: A Saúde pelas Plantas Medicinais, Vol.2, de Jorge D. Pamplona Roger

Publicado originalmente no blog

Exibições: 18

© 2019   Criado por Antonio Teixeira Fernandes.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

google.com, pub-8801366889305004, DIRECT, f08c47fec0942fa0