O Ativista da nova era é uma comunidade de homens e mulheres de todas as raças e credos que em primeiro lugar querem melhorar suas vidas.

Badge

Carregando...

Produtos Naturais

Membros

"A CIÊNCIA PARA FICAR RICO"

Para aceder ao livro "A Ciência para Ficar Rico" clique na imagem.

Dê uma oportunidade a si mesmo. Leia o Livro e dê um novo Rumo à sua Vida.

Publicidade!

Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Música

Carregando...

Alcachofra (Cynara scolymus L.) -  Regenera o fígado e baixa o colesterol


A alcachofra foi considerada afrodisíaca durante o século XVI, embora não se lhe tenha prestado muita atenção como planta medicinal. Foi só nos meados do século XX que ganhou um grande prestígio corno remédio para as doenças hepáticas e biliares. Actualmente, os extractos de alcachofra entram na composição de vários preparados farmacêuticos, em virtude das suas notáveis acções medicinais sobre o fígado e o metabolismo.

Propriedades e Indicações:


Os princípios activos da alcachofra, que se concentram sobretudo nas folhas, são a cinarina (princípio amargo) e alguns flavonóides derivados da luteína.

É muito rica em enzimas, inulina (hidrato de carbono muito bem tolerado pelos diabéticos), potássio e manganésio. Embora a alcachofra propriamente dita, isto é, o capítulo floral, também participe dos efeitos medicinais que descrevemos, para conseguir uma acção terapêutica importante é preciso usar sobretudo as folhas, o caule e/ou as raízes da planta.

*Colerética (aumenta a secreção de bílis) e hepatoprotectora (antitóxica) : Recomenda-se nos casos de dispepsia ou cólica biliar e de insuficiência hepática (1,2,3). É muito indicada no caso de hepatite.

*Hipolipemiante: Faz descer a concentração de colesterol e de outros lípidos no sangue, pelo que se torna muito recomendável no caso de arteriosclerose (1,2,3).

*Hipoglicemiante: Pelo seu conteúdo em inulina, é um alimento próprio para os diabéticos (1,2,3) . Favorece a diminuição do nível de açúcar no sangue.

*Diurética, depurativa e eliminadora de ureia: Apropriada no caso de albuminúria e na insuficiência renal (1,2,3).

Preparação e Emprego


Uso interno

1-Infusão de folhas, caule e/ou raízes: 50-100g por litro de água. Tomas três chávenas diárias, preferivelmente antes das refeições.

2-Sumo fresco: Obtém-se das folhas e ingere-se à razão de uma chávena a cada refeição.

3-Extracto seco: 1-2 g diários, se não se tolerar o sabor amargo da infusão ou do sumo fresco.

Outros nomes: alcachofra-hortense. Esp.: alcachofera, alcachofa, alcaucil, cardo alcahofero, morrillera. Fr.: artichaut. Ing.: artichoke

Habitat: Própria dos países mediterrâneos. Cultivada em regiões temperadas de todo o mundo.

Descrição: Planta da família das Compostas, que atinge até 1,5 m de altura. As folhas são grandes, muito segmentadas, de cor verde-acinzentada. Os capítulos florais são de cor azul-violácea, rodeadas de brácteas (falsas folhas), na base das quais se encontra a parte comestível.

Partes utilizadas: as folhas da planta, o caule, os capítulos florais ( conhecidos por alcachofras) e a raiz.

Fonte: A Saúde pelas Plantas Medicinais, Vol.1, de Jorge D. Pamplona Roger

Composto e postado por Ângela Barnabé

Exibições: 1

© 2017   Criado por Antonio Teixeira Fernandes.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço